Blog
Como começar a investir com pouco dinheiro

Como começar a investir com pouco dinheiro

Muita gente pensa que por ter valores pequenos para investir, só lhe resta a poupança para aplicar suas economias. Porém, o que muitos não sabem é que é possível aplicar montantes menores em alternativas mais rentáveis e com a mesma segurança.

Os primeiros passos

Primeiramente, você deve ter em mente a regra básica: não há como investir sem fazer sobrar dinheiro no final do mês. Assim, você deve organizar seu orçamento. É uma tarefa simples, mas que demanda empenho e compromisso da sua parte. Você também deve se livrar das dívidas, reequilibrar as despesas e começar a poupar uma quantia – mesmo que seja pequena. 

Depois de organizar seu orçamento e possuir uma sobra de capital, é hora de investir de maneira adequada para conseguir uma boa rentabilidade. Você deve iniciar fazendo uma reserva para eventuais emergências. Recomenda-se que esse valor seja de quatro a seis meses do seu orçamento mensal.

Planejamento: objetivos e opções para investir

Após esses passos iniciais, chegou a hora de definir e colocar no papel todos seus objetivos de vida. Procure também estimar um valor financeiro e um prazo para a conquista de cada um desses objetivos. Não é necessário ser absolutamente exato quanto a prazos e valores, o importante é ter uma boa noção de onde você quer chegar, quando e quanto isso custará financeiramente.

Busque boas opções de aplicações para iniciar. Depois de fazer uma reserva para situações inesperadas, procure por investimentos rentáveis e que lhe tragam boas perspectivas. Além disso, essas opções logicamente devem estar de acordo com o seu perfil de investidor: conservador, moderado ou arrojado, conforme explicamos abaixo:

Perfil conservador: tem maior aversão à perda, ao risco e visa preservar seus recursos, realizando investimentos em curto prazo. Normalmente, seu capital é usado com gastos imediatos e compra de bens com recursos em um período curto. Aqui, os investimentos em renda fixa costumam ser suas melhores opções.

Perfil moderado: prioriza a segurança dos investimentos, podendo arriscar um pouco mais. Aqui, os investimentos sugeridos são ativos de risco muito baixo, baixo, e médio. Algumas opções são a LCI e fundos. É uma mistura de posições conservadoras com posições mais arrojadas.

Perfil arrojado: costumam ser mais ousados e buscam uma maior rentabilidade. A maior parte de suas ações está em ativos de renda variável, visando grandes retornos. É o caso, por exemplo, de alguns fundos imobiliários e fundos multimercados cambiais.

Quando já tiver uma quantia um pouco maior, você deve diversificar seus investimentos para equilibrar os resultados das suas aplicações. Essa diversificação será feita de acordo com seu perfil, meta e disponibilidade financeira. Aqui, o importante é conseguir o melhor retorno conforme os objetivos planejados.

E lembre-se: é muito importante ter um profissional especializado para lhe auxiliar com seus investimentos, tendo sempre como foco os seus objetivos. Quanto mais decisões acertadas você tomar, mais seu dinheiro vai trabalhar para você!

Converse com a Santinvest sobre as melhores opções de investimento para você.